Vasectomia

Procedimento cirúrgico para esterilização masculina ou contracepção permanente. Durante a operação os ductos deferentes do homem são seccionados de modo a impedir que os espermatozoides entrem e fertilizem.

O processo não interfere na produção dos hormônios sexuais masculinos realizada pelos testículos e tampouco no rendimento sexual. A ejaculação continua igual, mas sem a presença de espermatozoides. A cirurgia é rápida, não requer internação hospitalar e o paciente recebe alta algumas horas após o procedimento.

Um espermograma deve ser realizado após 2 meses da cirurgia para certificar que todos os espermatozóides foram eliminados.

Podem ser submetidos homens com mais de 25 anos ou com pelo menos 2 filhos, conforme a lei federal 9.263.